Fragmentos 4

abril 1, 2018 at 8:15 pm (Sem categoria)

A lua se enche de luz
Do sol que reluz
Tão perto da Terra
Astros, éter, matéria

 

Anúncios

Link permanente Deixe um comentário

Fragmentos 3

abril 1, 2018 at 8:03 pm (Sem categoria)

O caminho é simples
Não necessita mapas
Apenas a sintonia
De inspirar e expirar

Link permanente Deixe um comentário

Fragmentos 2

abril 1, 2018 at 8:03 pm (Sem categoria)

Tocar o corpo com o corpo
Tocar a alma com a alma
Entrelaçar as polaridades
Interpenetrar as essências

Link permanente Deixe um comentário

Fragmentos 1

abril 1, 2018 at 8:00 pm (Sem categoria)

Como fosse compondo poesia
Em toques reflexos as rimas
Pelo corpo
Do olhar ao sabor

Link permanente Deixe um comentário

Náufragos

janeiro 23, 2018 at 1:29 pm (Coisas do Coração, Poemas, Sagrado Feminino)

Náufragos2

Somos náufragos de diferentes embarcações

sedentos de água doce para nos nutrirmos

sob o céu de estrelas nos deitamos

e a nós mesmos… nos cobrimos

Encontro em terra, entregues

exaustos da busca e do encontro

um pouco tontos, enebriados do sal

na voz do olhar em ritmo de maresia

indo em vindo em nossa própria poesia

adentramos o céu da noite, em nós celestial

Por Marcia C. A. Agame

 

Link permanente Deixe um comentário

Tigresa

março 8, 2017 at 10:59 pm (Sagrado Feminino, Vídeos)

Viva o Sagrado Feminino em cada um de nós!

Link permanente Deixe um comentário

Anjo

março 6, 2017 at 6:44 pm (Coisas do Coração)

De presente? Prá mim? Adorei… Até me sinto sua Estrela

Link permanente Deixe um comentário

Plenitude

julho 25, 2016 at 9:20 pm (Coisas do Coração, Poemas, Sagrado Feminino)

conexão divina

Gosto de olho no olho
De coração escancarado
De saltar no abismo
De interpenetrar a alma
De conectar as energias
De sorrir quando beijo
De sentir o sol na pele
De pisar descalça
De mergulhar profundo
Gosto da intensidade
Da Verdade
Da Pureza e da Clareza
Do inteiro
Do completo
Gosto de sentir o Universo no peito
… e as estrelas nos olhos
Gosto de falar sem palavras
E de conversar até o sol nascer
Gosto de ficar olhando a fogueira
…desde que acende
sentir sua dança
na chama que some no ar
até se apagar
e manter o chão quente
Gosto de amar
sem amarras
De pulsar o pulso
numa dança única
De respirar inspirando
e expirando em ciclos contínuos
e síncronos
Gosto de sentir a água
do chuveiro
da chuva
da cachoeira
do mar
Gosto de estar nua
de ressentimentos
porque só existe o momento

 

Sophia Christou

(com saudades de mim)

Link permanente Deixe um comentário

Alguma coisa mudou

abril 11, 2016 at 7:54 pm (Insights, Luz, Poemas, Vídeos)

Alguma coisa mudou
Mudou profundamente apesar de sentir sutilmente

Sinto Paz e Beleza em tudo, especialmente nas coisas simples que não costumava prestar atenção

(Esta música sempre foi um hino para mim, adoro o Gil, sua sensibilidade. Essa letra sempre foi uma das minhas preferidas…)

Mas alguma coisa mudou
Mudou profundamente apesar de sentir sutilmente

Sempre gostei mais de me aquietar para ouvir Deus do que falar para ‘Ele’
Sempre fui mais introvertida e gostei da Solitude, de ficar comigo mesma

Nunca gostei muito de roupa ou de sapatos…
Gosto de pisar na grama, na terra, na areia
Gosto de sentir o Sol com os pés.

Adoro banho… banho de mar, banho de cachoeira, banho de rio e especialmente de chuva

Mas alguma coisa mudou
Mudou profundamente apesar de sentir sutilmente

A necessidade de ficar a sós, ou de apagar as luzes, ou de calar a voz, as vozes, os sons…
Não têm mais tanta importância…

Os sapatos, a roupa…
Estar despida agora me significa despir-me do ego

E… tanto faz a roupa ou o lugar

Porque…

Alguma coisa mudou
Mudou profundamente apesar de sentir sutilmente

Minhas mãos vazias é não tentar prender o tempo

É estar pronta para atender ou socorrer
E assim, recebo, pois elas estão abertas
…E a abundância só entende isso

Alguma coisa mudou
Mudou profundamente apesar de sentir sutilmente

O caminho é o passo presente.

 

Sophia Christou
Com o cardíaco em flor

(Dedicado ao Sérgio – morador de rua que espelhou minha alma em seus olhos azuis…)

 

Link permanente Deixe um comentário

Consciente

março 21, 2016 at 11:10 pm (Insights)

“Em algumas situações costumava dizer que era melhor agir racionalmente do que emocionalmente.

Hoje descobri que tudo é mente e o que vale mesmo é estar consciente, pois toda a atitude, palavra, gesto ou ação vinda desse lugar, da Consciência, é a melhor coisa que poderia acontecer, no presente, íntegro, sem rodeios, sem disfarces, sem máscaras, sem premeditações, sem expectativas… Apenas É, inocentemente, a Verdade.”

Sophia Christou

deserto

 

Link permanente Deixe um comentário

Next page »